Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Projeto de revitalização da rua Guarani é apresentado para empresários, vereadores e imprensa

Focada no conceito de acolhimento, proposta foi bem aceita pelo público

A Prefeitura de Pato Branco, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, realizou na manhã desta terça-feira (17), no Largo da Liberdade, reunião com os comerciantes e proprietários de imóveis da rua Guarani para apresentação do projeto de revitalização da rua Guarani, que visa trazer modernidade e tecnologia, tornando a via mais atrativa ao consumidor e a comunidade em geral, além de padronizar o mobiliário e equipamento urbano e melhorar o fluxo de pedestres. Atualmente, existem cerca de 70 estabelecimentos na rua, tradicionalmente conhecida pelo comércio de vestuário, alimentação e prestação de serviços.

Idealizado pelos arquitetos Caroline Domingos Mezzalira e Emerson Carlos Michelin, secretário municipal de Planejamento Urbano, o projeto contemplará três pilares: acolhimento, humanização e tecnologia e, se executado, terá início na Praça Presidente Vargas até a rua Tapir, em uma extensão de cerca de 350 metros. As principais mudanças serão a retirada dos estacionamentos; aumento da calçada para os pedestres nos dois lados da rua; mão de via única com semáforo sincronizado; nova arborização e iluminação de led; espaços de convivência; bem como, a colocação de árvores tecnológicas com placas fotovoltaicas e totens inteligentes e interativos, com comunicação integrada entre o comércio e o público.

Caroline explicou que foi realizado um levantamento de dados para a criação da proposta, onde constatou-se a má conservação do mobiliário urbano e sua despadronização; falta de manutenção nas floreiras e vegetação; deficiência na iluminação pública; poluição visual e má conservação das calçadas. “Será criada uma identidade para a rua, que está localizada no coração de Pato Branco. Com a implementação do projeto, será colocado piso e mobiliário diferenciado, espaços de convivência para acolhimentos dos pedestres, estendendo a praça para a rua, com tecnologia para criar conexão entre as pessoas que nela transitam e os comerciantes”, disse.

O secretário Emerson Carlos Michelin ressaltou que a revitalização busca, principalmente, proporcionar aos comerciantes um espaço melhor, mais humanizado e atrativo. “Hoje, a rua Guarani encontra-se deteriorada, sem vida. Apresentamos um projeto inovador e tecnológico, mas também focado no acolhimento das pessoas que passam pela via. E da mesma maneira, estamos abertos a discutir com a comunidade novas ideias, para fazermos o que é melhor para todos”, destacou.

O prefeito Augustinho Zucchi salientou que a revitalização não é apenas para a rua Guarani, mas para modernizar todo o Centro de Pato Branco. Segundo o prefeito, a avaliação do encontro com os empresários foi positiva. “A Guarani é uma rua tradicional, ícone do comércio do município e, tudo o que é novo, traz uma resistência. Porém, percebemos que o projeto agradou a todos e mesmo os que têm dúvidas, acharam bom. Essa intervenção será feita para preservar o espaço e para que as pessoas tenham vontade de ir fazer suas compras, passear. Mas nada é imposto e estamos à disposição para escutar os empresários e fazermos ajustes pertinentes”, enfatizou.

O empresário Roberto Bressan disse que é necessário mudar e considerou o projeto inovador. “Chegamos a um ponto crucial. Nossa cidade vem crescendo e precisamos acompanhar esse fluxo e o desejo dos nossos clientes. Parabenizo a prefeitura por esse projeto, que é futurista, e certamente fortalecerá o comércio”, evidenciou.

Para a arquiteta e urbanista, Luana Winkelmann, que atualmente realiza um estudo urbanístico em outro espaço de Pato Branco, o projeto vem valorizar ainda mais o município. “O novo e bonito atrai. É uma proposta rica, que acompanha tendências mundiais. O coração da cidade ficará mais belo e fortificado, e com certeza também se tornará referência para outros municípios e estados”, avaliou.

A partir de agora, os empresários poderão encaminhar sugestões à Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, que serão avaliadas e, posteriormente, será marcado um novo encontro para definição da proposta como um todo. Mais informações pelo telefone 3225-5334.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários