Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Prefeitura moderniza o trânsito com semáforos de led

A Prefeitura de Pato Branco está dando sequência à implantação dos novos semáforos de led que atenderão mais de 30 cruzamentos. O Município iniciou a padronização e modernização do sistema semafórico em 2014, investindo recursos próprios na ordem de R$ 800 mil para aquisição de 109 semáforos de led e de controladores eletrônicos de tráfego. A instalação dos novos equipamentos é feita pelo Departamento Municipal de Trânsito (Depatran), juntamente com o Departamento de Iluminação Pública.

De acordo com o cronograma, os próximos semáforos a serem substituídos pelos novos equipamentos são os instalados nos seguintes pontos: Tocantins com Iguaçu; Tocantins com Ibiporã; Tocantins com Itacolomi; Tocantins com Itabira; avenida Tupi com Itabira; avenida Tupi com Ibiporã; avenida Tupi com Itacolomi.

O diretor do Depatran, Esaú Borges de Sampaio, enfatiza que assim como vem sendo feito, os semáforos terão sinalização auxiliar, ou seja, um semáforo ao lado da pista para melhor visualização de condutores e pedestres. “Esse recuo dá maior segurança, pois evita o avanço de sinal, uma vez que o condutor deixa de visualizar o semáforo da via transversal”, explica.

Além da substituição dos equipamentos nos 32 cruzamentos que já possuem sinalização semafórica, novos trechos serão atendidos com a sinalização, a exemplo do que aconteceu na esquina da avenida Brasil com Itabira e da Tapajós com Oswaldo Aranha. De acordo com o cronograma, outro trecho receberá sinalização semafórica: a esquina da rua Tapir com Caramuru.

A modernização também atende a Central Semafórica, coordenada pelo Depatran, cuja operacionalização digital garante a sincronização e o funcionamento dos semáforos da cidade.

“Todos os semáforos são interligados e sincronizados em um sistema automatizado, o que permite acompanhamento em tempo real. A verificação do sincronismo e de necessidade de manutenção ocorre semanalmente e é feita por agentes de trânsito”, ressalta Sampaio.

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários