Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Prefeitura e Celepar promovem inclusão digital para idosos

Formatura aconteceu no último sábado (02). Na ocasião, também foi inaugurado o Telecentro, no CEU das Artes e do Esporte

Quando o assunto é Internet e redes sociais, mais 89 idosos pato-branquenses estão “antenados”. Eles participaram de um curso ofertado pela Prefeitura e Governo do Estado, através da Companhia de Comunicação do Paraná (Celepar). A formatura aconteceu no último sábado (02), no CEU das Artes e do Esporte. Na ocasião, também foi  inaugurado o Telecentro – Espaço Cidadão, que assim como a UAB – Polo Pato Branco, recebeu turmas da capacitação.

Para o aposentado Ilvo Rossarolla, 65 anos, o computador que ganhou do filho será uma boa distração de agora em diante.  “Eu só conseguia ligar, desligar e jogar baralho. Agora sei entrar na Internet, no Facebook e fazer mais coisas. Valeu a pena ter participado do curso, pois já que não posso trabalhar por motivo de saúde, o computador me distrai quando fico em casa”, disse.

Depois que aprendeu a usar o Facebook, Almeri Barbosa, 63 anos, conversa com mais frequência com os filhos que residem no Mato Grosso. “Poderei ter mais contato com eles e estou muito feliz. Vou passar o que aprendi para quem não sabe, assim como o meu marido. Não é porque temos uma idade avançada que vamos ficar apenas em casa, temos que ir para a frente”, aconselhou.

A formatura do curso foi um presente de aniversário para Alcida Felisberto, que no domingo, dia 03, completou 69 anos. “Eu tinha medo de ligar o computador e apagar tudo o que tinha nele, mas vi que nós também podemos aprender. Não tivemos essa oportunidade quando crianças. Por isso, para mim, poder fazer um curso como esse na minha idade, é algo muito lindo”, destacou.

Terezinha dos Santos de Oliveira, 60 anos, diz que agora poderá cuidar melhor dos filhos. “Tenho filhos em Erexim, Blumenau, Florianópolis e Indaial, e já conversei com todo mundo pelo Facebook. Poderei cuidar deles de longe e também dos meus netos. Não é porque temos 60 anos que vamos parar a nossa vida, né”, frisou.

O curso integrou o projeto Inclusão Social da Pessoa Idosa, realizado pela Celepar. Segundo o presidente da entidade, Jacson Carvalho Leite, a capacitação atendeu mais de 20 municípios do Paraná, com a participação de aproximadamente 3 mil pessoas.  “Estamos induzindo os municípios a criar esse projeto com a terceira idade. O diálogo dos jovens é através da tecnologia e o idoso precisa estar inserido nesse contexto. Além do relacionamento social, o idoso pode transmitir seu conhecimento às novas gerações”, ponderou.

O vice-prefeito de Pato Branco, Ivo Polo, lembrou que a iniciativa representa igualdade aos idosos e integra o plano de governo da Administração Municipal, pela inserção social e qualidade de vida da terceira idade. “A maioria dos participantes estão fazendo um curso como este pela primeira vez na vida. O mundo está em busca de conhecimento na área tecnológica, por isso os idosos não podem ficar de fora dessa realidade. Junto com o Governo do Estado, estamos dando novas perspectivas à terceira idade”, avaliou.

Telecentro

A secretária de Estado para Assuntos Estratégicos, Clecy Amadori, lembrou que as ações desenvolvidas nos Telecentros buscam, justamente, promover a inclusão digital, promovendo capacitações para diversas faixas etárias. “Queremos que além de se aperfeiçoarem, as pessoas possam buscar a cidadania através da Internet. Com essa parceria entre Prefeitura e Governo do Estado, realizaremos mais cursos, porque temos um ambiente preparado, com equipamentos de última geração e com a fibra ótica da Copel”, destacou. São cerca de 300 Telecentros no Paraná, 40 na região Sudoeste. Clecy anunciou, ainda, que Pato Branco terá mais um espaço.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários