Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Prefeitura de Pato Branco inicia controle de animais abandonados

Convênio entre Município e entidades foi firmado nesta quarta-feira, dia 07

Nesta quarta-feira, dia 07, o prefeito Augustinho Zucchi e o diretor-geral da Unisep, Sérgio Fabiane, formalizaram um convênio para o controle populacional de cães e gatos. A iniciativa, inédita em Pato Branco e na região Sudoeste, atenderá 500 animais de rua e já abrigados por instituições de defesa animal, com castração e chipagem.

A parceria acontece através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, curso de Medicina Veterinária da Unisep, Conselho Municipal do Meio Ambiente e Associação Lima de Proteção aos Animais de Pato Branco (ALPAPB).

O prefeito Augustinho Zucchi acredita que o envolvimento da comunidade, bem como a integração regional através da parceria com a Unisep, fortalece a proposta da iniciativa.
“A sociedade e o poder público, juntos, podem encontrar alternativas para solucionar a questão da proliferação dos animais de rua, que também representa saúde pública. Esse é um passo inicial para que essa área tão importante para a sociedade possa ter uma solução”, completou Zucchi.

Conforme explicou o secretário municipal de Meio Ambiente, Nelson Bertani, o projeto atenderá cerca de 20 animais abandonados por semana. “Vamos atender os bairros com maior incidência de cães e gatos de rua, conforme o cadastro da Vigilância em Saúde, assim como as famílias em situação de risco sanitário que possuem grande número de animais. Ressaltamos que esse trabalho não é para animais particulares e sim abandonados”, disse Bertani. O projeto também envolverá ações de conscientização quanto ao cuidado dos animais, junto à comunidade e nas escolas da rede municipal.

Enquanto aguardam atendimento, bem como encaminhamento para o campus Dois Vizinhos da Unisep, os animais selecionados serão abrigados uma semana antes pela Associação Lima de Proteção aos Animais de Pato Branco. “Em dez anos de trabalho da associação, essa é a primeira vez que temos a oportunidade de estarmos no gabinete municipal, conseguindo a castração para cachorros e gatos. Esse é o primeiro passo para contermos a proliferação e não termos mais animais doentes em nossas ruas”, destacou Oldemar de Lima, presidente da ALPAPB.

Para o diretor-geral da Unisep, campus Dois Vizinhos e Francisco Beltrão, Sérgio Fabiane, além do papel social, o projeto de extensão contribuirá na formação dos acadêmicos de Medicina Veterinária, que serão responsáveis pelas intervenções cirúrgicas. “Esse é um projeto inédito na região, de grande valia para Pato Branco e para a Unisep”, ponderou.

O presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente, Antônio Cezar Soares, destacou a importância do projeto. “Estamos realizando essa parceria com a Unisep, que possui um dos mais bem equipados hospitais veterinários do Sul do Brasil. Além da castração e da chipagem, que oportunizará o acompanhamento dos animais, também faremos um trabalho educativo. Vale lembrar que ao investir em saneamento ambiental e no controle de vetores de doenças, investe-se em saúde pública”, completou.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários