Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Prefeito Zucchi lança o Programa Olhar Seguro

A moderna estrutura de monitoramento por imagens implantada pela Prefeitura de Pato Branco foi inaugurada pelo prefeito Augustinho Zucchi nesta sexta-feira (24), com o lançamento do Programa Olhar Seguro. A solenidade, realizada no gabinete municipal, contou com a presença de entidades de segurança pública, vereadores, secretários municipais e lideranças comunitárias.

O sistema é composto por 32 câmeras de última geração, instaladas em 26 pontos da cidade. Além do investimento inicial de R$ 160.593,30, provenientes de recursos próprios do Município, a Prefeitura destinará R$ 36 mil mensais para manutenção dos equipamentos.

Para o prefeito Zucchi, além de segurança para as famílias, a modernização acompanha o planejamento pelo futuro de Pato Branco. “Para continuarmos sendo polo e referência regional, precisamos trabalhar para nos mantermos enquanto uma cidade ordeira, que cresce com qualidade de vida e com índices baixos de criminalidade”, enfatizou.

O Programa Olhar Seguro é mais uma meta de governo da Administração Municipal.  O prefeito Zucchi lembrou que a inovação está sendo possível em virtude da nova rede de fibra ótica implantada pela Prefeitura nos órgãos da Administração Municipal.

“As câmeras representarão outra realidade para a nossa segurança pública, para combatermos também a depredação do patrimônio público, aqueles que quebram lâmpadas, floreiras, vidros de ginásios de esportes, que danificam as placas de sinalização, entre outros. Certamente teremos uma economia significativa neste sentido”, ressaltou Zucchi.

Além da aquisição e instalação das câmeras em praças, trevos e logradouros públicos, o serviço conta com a Central de Monitoramento 24 horas, situada no 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM), cujo efetivo militar é responsável pelo acompanhamento 24 horas, com apoio do Depatran. Na ocasião, Zucchi e o comandante do 3º BPM, tenente-coronel Éveron César Puchetti Ferreira, assinaram o convênio para monitoramento do serviço.

Puchetti lembrou que um dos principais diferenciais do sistema implantado em Pato Branco é a integração com a comunidade, uma vez que a população poderá contribuir no trabalho policial. “Teremos um número de telefone específico para recebimento de denúncias de situações suspeitas na área de abrangência das câmeras. A população será os nossos olhos nesse sistema dinâmico e integrado, que vem para reforçar as ações que já estão sendo feitas pela segurança pública de Pato Branco”, ponderou.

O número de telefone será divulgado nos próximos dias, juntamente com uma cartilha sobre o programa e funcionamento do sistema, que esclarece as principais dúvidas da população.

O chefe da 2ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF), sediada em Pato Branco, Roderjan Alves Rodrigues, também evidenciou os benefícios do monitoramento por imagens pela segurança nas rodovias. “Pato Branco avança e sai na frente, implanta essa ferramenta que contribuirá na identificação de atos criminosos, no monitoramento de acidentes e também na realização de levantamentos. O cidadão de bem não se importará com a novidade”, salientou.

A inovação foi destacada pelo delegado-chefe da 5ª Subdivisão Policial (SDP) de Pato Branco, Getúlio de Morais Vargas enquanto ferramenta preventiva, para inibir roubos, imprudência no trânsito e atos de violência. Além disso, ele ressaltou que ainda na fase de testes, as câmeras já contribuíram na identificação de autores de delitos. “Poucos municípios têm um sistema como esse implantado em Pato Branco”, reforçou.

Os 26 pontos contemplados com as câmeras foram definidos em virtude da incidência de ocorrências nas áreas de abrangência, conforme frisou o chefe do núcleo da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) em Pato Branco, delegado Ivonei Oscar da Silva, que durante o planejamento do Programa Olhar Seguro estava à frente da 5ª SDP. “Pato Branco está de parabéns, se mostra uma cidade pujante, com inúmeras inovações e ações pela qualidade de vida e redução da criminalidade”, disse.

Após a solenidade no gabinete municipal, o prefeito Zucchi juntamente com representantes das entidades de segurança pública, se dirigiram até a Central de Monitoramento 24 horas, no 3º BPM, para apresentar e inaugurar a estrutura.

Tecnologia

Das 32 câmeras, 27 são speed domes, modelo que registra imagens com até dois quilômetros de distância, em rotação contínua de 360°, inclinação de 220° e zoom óptico de 30x, com foco automático. Todas as câmeras, as speed domes e as fixas, possuem no-breaks e cartões de memória, o que garante que em casos de interrupção de energia ou sinal, as imagens continuem sendo registradas e armazenadas.

Locais

Os pontos atendidos com as câmeras speed domes são: Prefeitura, Banco Itaú, rua Tapir (na altura da Galeazzi Auto Center), Posto Patinho, Posto Seis Rodas, Escola Municipal do bairro Planalto – Caic, Escola Municipal São João Batista de La Salle, Escola Municipal do bairro Alvorada, Escola Municipal Udir Cantu (bairro São João), CMEI do bairro São Cristóvão, Colégio Estadual Rui Barbosa, Colégio Estadual Carlos Gomes, CEU das Artes e do Esporte (bairro Sudoeste), UPA 24 horas (bairro Cristo Rei), Secretaria Municipal de Saúde, Teatro Naura Rigon, Complexo Esportivo Frei Gonçalo (Patão) e Mercado do Produtor. Os trevos da Polícia Rodoviária Federal, Guarani, Itacolomi, Planalto e Patrolinha, assim como a rotatória da avenida Tupi nas proximidades da Fipal Veículos, também estão atendidos. Na praça Presidente Vargas, há três câmeras instaladas. Além disso, outras cinco câmeras fixas atendem o Terminal Rodoviário José Cattani.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários