Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Parque Estadual de Pato Branco será inaugurado em 02 de março

O prefeito de Pato Branco, Augustinho Zucchi, anunciou que o Parque do Alvorecer – Parque Estadual Vitório Piassa, será inaugurado no dia 02 de março, uma sexta-feira, às 18h. A solenidade, anteriormente prevista para 22 de fevereiro, foi transferida devido a ajustes na agenda do governador Beto Richa. Além dele, demais autoridades estaduais são aguardadas para o evento.

O espaço, que possui gestão compartilhada com o Governo do Estado, está em fase final de obras. São 107 hectares de mata nativa, com área de conservação de mais de 1 milhão de metros quadrados. O local recebeu mais de R$ 13 milhões em investimentos, oriundos do Governo do Estado e do Município.

A infraestrutura, em harmonia com a mata nativa, representará uma nova forma de lazer e convívio com a natureza, não apenas para os pato-branquenses, mas também para os moradores da região.

“Teremos um parque modelo, um ponto turístico que receberá visitantes de diversas regiões. Além disso, a vasta floresta de araucárias, somada às demais espécies existentes no local, fará do espaço um laboratório para pesquisa e extensão acadêmica, sendo utilizado também pelas crianças da rede pública e privada”, comenta Zucchi.

Ele anunciou o nome atribuído ao local: Parque do Alvorecer. “Queremos que o parque represente o despertar de um novo momento. Por isso, preparamos uma infraestrutura que, ao mesmo tempo em que celebra o novo e demonstra que devemos receber o futuro em harmonia com a natureza, terá espaços e elementos que reverenciam a nossa história e o legado que estamos deixando para as futuras gerações”, destaca o prefeito Zucchi, lembrando que a homenagem à família Piassa, na nomenclatura do local, será mantida.

O Parque do Alvorecer – Parque Estadual Vitório Piassa, terá áreas para lazer e convivência, lagos, decks, pista de caminhada, trilhas, ciclovia, restaurante, memorial, fonte de água, iluminação, estacionamento, pontos de ônibus, paisagismo diferenciado, entre outros atrativos.

Do Governo do Estado, o parque recebeu investimentos de R$ 5 milhões para estruturação e mais R$ 5,7 milhões para indenização dos antigos proprietários da área, a família Piassa. O restante do investimento, superior a R$ 2 milhões, refere-se à contrapartida da Prefeitura.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários