Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Natal de Pato Branco atraiu mais de 300 mil visitantes em 2016

A cada ano, o Natal de Pato Branco se consolida como opção turística na região Sul do País. Na última edição não foi diferente. A decoração natalina em diversos pontos da cidade, as araucárias “gigantes”, a roda-gigante e a Casa do Papai Noel, atraíram mais de 300 mil visitantes até a primeira semana de janeiro. A casa temática, que desta vez tornou-se a confeitaria do bom velhinho, contou com visitação constante e as famílias puderam aproveitar o momento para reviver o verdadeiro sentido do Natal: muita confraternização, paz e união. Crianças e adultos puderam fazer seus pedidos ao bom velhinho, que permaneceu no local atendendo a todos.

No local, o encantamento ficou por conta dos personagens que preparavam as delícias de Natal – bolos decorados de dar “água na boca”. Havia também árvores cuidadosamente ornamentadas com diversos temas, entre elas uma especial: cheia de patinhos brancos, simbolizando a cidade. E o que falar do presépio interativo, que emocionou os visitantes ao retratar o nascimento de Jesus? Toda essa dedicação na organização do espaço garantiu a presença não somente de moradores de Pato Branco e região, mas de diversas regiões do Brasil e, inclusive, do exterior. Assim como o desfile de abertura, que na noite de 26 de novembro atraiu mais de 40 mil visitantes.

Para o prefeito Augustinho Zucchi, a felicidade dos visitantes é o maior resultado do projeto, que terá novidades em 2017. “Nosso Natal movimenta a economia, tanto no comércio, quanto o turismo regional. O foco é sempre a alegria que a data desperta nas famílias e, mais uma vez, alcançamos esse objetivo. As equipes organizam tudo com muito carinho e dedicação, sempre pensando em oportunizar momentos de alegria, união e harmonia aos visitantes. Para 2017, teremos inovações para consolidar o Natal de Pato Branco como referência no Paraná e no Sul do Brasil”, afirmou Zucchi.

Tais Santos Brustolin reside em Curitiba e veio com o marido e a filha visitar a família em Pato Branco, quando aproveitou para conhecer a nova decoração do Natal pato-branquense. “Tudo estava impecável e ficamos encantados com o presépio. Foi a parte da Casa do Papai Noel que mais nos marcou, pois acreditamos que o verdadeiro motivo para comemorarmos a data é o nascimento de Jesus”, disse.

Decoração que inspira

A decoração impressionou e inspirou os visitantes. Além das tradicionais postagens nas redes sociais, de fotos de família e amigos apreciando a decoração, também houve os que aproveitaram o momento para realizar ensaios fotográficos utilizando os temas natalinos. Casais eternizaram o momento junto à decoração, embelezando as fotografias e as recordações.

Quem usou a criatividade, somada às cores e luzes da decoração, foi Carina Pelegrini. “Já que a fotografia permite guardar para sempre o que vivemos, sinto que não existe quem não se encante com a beleza que o Natal nos traz e, em especial, essa magia é feita com muita maestria na nossa cidade. Ao utilizar esse encanto, o resultado são imagens mais vivas, cheias de cores, luzes e a sensação de estarmos vivendo em um sonho”, avaliou a fotógrafa.

Outras atrações

A praça Presidente Vargas também foi palco de apresentações artísticas, locais e regionais, além  da roda-gigante, que recebeu mais de 30 mil pessoas e fez a alegria de visitantes de todas as idades. Em paralelo, também aconteceu, no Pavilhão São Pedro, a Feira Gastronômica organizada pelo Núcleo de Gastronomia de Pato Branco (Nugastrô), juntamente com diversas entidades e empresas parceiras.

Retirada da decoração

No dia 06 de janeiro, as equipes da Prefeitura de Pato Branco iniciaram a retirada da decoração. Tudo está sendo feito com muito cuidado, pois os enfeites são guardados e serão reutilizados nas próximas edições do Natal de Pato Branco. Nesta edição, por exemplo, a cidade recebeu cerca de 130 árvores natalinas de festão (pinheiros), de diversos tamanhos. Além disso, foram aproximadamente 40 quilômetros de cordões de led na praça Presidente Vargas e em demais pontos. Apenas na avenida Tupi, para dar vida aos ornamentos, foram utilizados cerca de 2,8 quilômetros de mangueiras de led. Na mesma via e nos trevos que dão acesso à cidade, foram 22 árvores vazadas em led, de diversos tamanhos, que receberam os leds que decoraram a praça central em 2015. Tudo isso foi possível, pois 80% da decoração natalina de 2016 foi reutilizada de anos anteriores.