Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Terceira idade está “conectada” em Pato Branco

Aulas de informática no CEU das Artes e do Esporte têm turmas lotadas. Além do contato virtual, o espaço oportuniza inclusão social à terceira idade  

 

Mais de cem idosos já participaram do curso de informática voltado para a terceira idade, ofertado pela Prefeitura de Pato Branco em parceria com a Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar). Nas aulas, que acontecem no CEU das Artes e do Esporte, eles começam meio desconfiados, aprendendo o básico: o nome de componentes do computador e seu funcionamento. Depois, conhecem a finalidade e utilização de programas, fazem pesquisas online, criam email e até perfil em redes sociais. Habituados às facilidades da Internet, ficam mais próximos da realidade dos filhos, netos e reconhecem que nunca é tarde para descobrir algo novo.

De acordo com o coordenador do CEU, Natan Bertol, a oferta do curso ocorre através do programa Espaço Cidadão, realizado pelo Governo do Estado em parceria com o Município. Segundo ele, desde que a iniciativa começou em 2013, a procura tem sido grande. “Eles entram nas turmas, aprendem e aí acabam comprando seu próprio equipamento, utilizando em casa. Percebemos que as aulas contribuem significativamente na qualidade de vida e na autoestima dos idosos, pois eles se sentem envolvidos e motivados. Temos muitas histórias de alunos que, ao aprenderem informática, ficaram mais próximos da família”, conta.

É o caso de Dercy de Lima, 57 anos, que hoje mantém contato com familiares que residem em outras cidades. “Aprendi a usar o computador, fiz perfil no Facebook e acesso sempre do meu celular. Adoro as aulas”, relata Dercy, que também participa de outras atividades ofertadas no CEU, como pintura e aulas de ginástica.

Quem também está adorando a experiência é Diamantina Carletto Bertolini, 83 anos. “Eu não sabia nada de computador, mas sou curiosa e quero aprender”, diz Diamantina, que atualmente é a aluna mais idosa da turma.

Para Waldemar Brustolin, 64 anos, participar do curso está proporcionando mais autonomia e novas descobertas. “Com o computador posso assistir online o que eu gosto. Foi isso que me motivou a vir para as aulas, porque eu sei que na Internet tem tudo. Inclusive, outro dia, tinha uma cadeira lá em casa que estava soltando as palhas, então resolvi procurar algum vídeo que ensinasse a consertar e achei. A cadeira ficou ótima”, comemora.

Ele também conta que o aprendizado é uma forma de motivação. “Vir até aqui também melhorou a minha qualidade de vida, pois como somos aposentados, ficamos com muito tempo livre. Em cursos como esse, evitamos a depressão, conhecemos outras pessoas, conversamos, fazemos novas amizades. Realmente é muito bom”, disse Waldemar.

Para quem quiser participar, as aulas são gratuitas e acontecem todas as terças e quintas-feiras, das 08h30 às 10h. Para inscrições ou mais informações, basta ligar no CEU das Artes e do Esporte, pelo 3220-6032.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários