Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Mais de 400 pessoas prestigiaram fórum que incentivou a inovação no setor público

ou

Aconteceu nesta quinta-feira, dia 25, em Pato Branco, o II Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste. O encontro, realizado por meio de uma parceria entre Prefeitura, Associação de Municípios do Sudoeste Paranaense (AMSOP) e a Rede Cidade Digital, descentralizou o debate sobre o papel da tecnologia para aproximar a população do setor público. Durante a programação, representantes de mais de 30 municípios do Paraná, Santa Catarina e de outros estados, compartilharam experiências e conhecimentos.

O prefeito de Pato Branco, Augustinho Zucchi, reforçou as ações do Município, que investe na tecnologia como base de desenvolvimento. “Acreditamos em políticas que proporcionam condições de igualar o acesso e o compartilhamento de informações para todos os cidadãos. Fazemos isso com o Clique Conhecimento, que gera inclusão digital e oportunidades para nossas crianças, assim como em outras ações que estão nos tornando referência. No Fórum, pudemos compartilhar nossas experiências com os prefeitos da região”, disse Zucchi.

O presidente da Rede Cidades Digitais, José Marinho, afirmou que encontrou em Pato Branco um ambiente consolidado e aberto às inovações de base tecnológica. “Não podemos viver desconectados, as pessoas, independente de onde vivem, sentem necessidade de interação. Estamos aqui, hoje, com representantes de mais de 30 municípios, para conhecer o que cada um realiza e trocar experiências, que poderão ser aplicadas em suas cidades e assim melhorar a qualidade de vida dos cidadãos com o auxílio da tecnologia”, destacou Marinho.

O secretário de Inclusão Digital do Ministério das Comunicações, Américo Bernardes, evidenciou as iniciativas realizadas em Pato Branco e região Sudoeste. “Pude perceber que a Administração Municipal de Pato Branco compreende a importância da criação de um ambiente favorável para a ciência e a tecnologia. Isso impacta diretamente, de forma positiva, no desenvolvimento do município, o que também reflete e inspira a região”, ressaltou Américo.

Para o presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia, Pato Branco surpreendeu. “Após a conversa com o prefeito Zucchi, durante a Campus Party, tive curiosidade em visitar e conhecer Pato Branco. Gostei bastante do que vi, pois a cidade possui um planejamento de futuro e já está desenvolvendo um amplo projeto de inclusão social e digital”, afirmou Francesco.

Paralelo ao Fórum, também foi lançada a “Escola Pato Branco Digital”, um programa municipal para incentivar a inclusão digital e a qualificação profissional de jovens e adultos. Durante dois anos, o projeto ofertará aproximadamente 1500 vagas. A iniciativa é da Prefeitura de Pato Branco, juntamente com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), através do Ministério da Educação.

O II Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste Paranaense foi realizado por meio de uma parceria entre Prefeitura, Associação de Municípios do Sudoeste Paranaense (AMSOP), com apoio do Sebrae, Acampar, Acamsop, Assespro/PR, Associação de Municípios do Cantuquiriguaçu e Agência de Desenvolvimento do Sudoeste. Contou com o patrocínio ouro da Exati Tecnologia, IDS e Ampernet Telecom e prata da Huner TI Colaborativa.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários