Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Proerd formou mais de 450 alunos da Rede Municipal de Pato Branco

Evento foi realizado no dia 29 de novembro, no CTG Tarca Nativista

A Prefeitura de Pato Branco, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, juntamente com a Polícia Militar do Paraná e o Batalhão da Patrulha Escolar Comunitária (BPEC), realizaram, na noite da última sexta-feira (29), no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Tarca Nativista, a formatura de 452 alunos dos 5º anos da Rede Municipal de Educação, que participaram das atividades do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd).  Em 2019, foram mais de 940 estudantes formados no Programa. Participaram do evento, além das autoridades, os pais e padrinhos dos formandos.

Com o objetivo de prevenir e conscientizar os alunos, de 9 a 12 anos, sobre o uso de drogas, o Proerd vem sendo desenvolvido em todas as escolas municipais de Pato Branco, sem interrupção, desde 2018. Essa foi a terceira formatura do projeto, neste ano, que contou com a participação de 14 escolas: Cachoeirinha, Irmã Dulce, José Fraron, Juvenal Cardoso, Lions Clube, Olavo Bilac,  Passo da Ilha, Pequeno Príncipe, Rocha Pombo, Santos Dumont, São Cristovão, São Luis, Veneza e Vila Verde.

As aulas, realizadas nos últimos três meses, foram ministradas pela cabo Elizângela Rodrigues da Silva e pela soldado Luciana Savitski, da Polícia Militar, e seguem o modelo americano, adaptado à realidade de cada país. Foram dez encontros, com atividades teóricas e práticas, dentro da temática de valorização à vida, prevenção à violência e bullying. Os estudantes ainda foram estimulados a participar de um concurso de redação, sendo que, na solenidade, foram premiadas as melhores redações de cada escola. Julia Cristina Balotin Zeferino, da Escola Municipal Pequeno Príncipe, ganhou uma bicicleta, por ter elaborado o melhor texto de todas as escolas.

A secretária municipal de Educação e Cultura, Heloí Aparecida De Carli, salientou que o Proerd é um programa de formação integral, que vem coroar as atividades do ano. “É um trabalho magnífico que a Polícia Militar, incumbida de zelar pela segurança da sociedade, realiza com carisma e de forma lúdica, fazendo com que as crianças internalizem uma temática séria de maneira leve. A formatura é revestida de uma aura de festa, de alegria, que nossos estudantes levarão para toda a vida”, ressaltou.

A instrutora do Proerd, cabo Elizangêla Rodrigues da Silva, destacou que o Programa ensina as crianças a analisarem as situações do seu dia a dia, para a melhor tomada de decisão, sendo responsáveis e resistentes diante da pressão. “Promover esse programa é ter esperança que essas crianças não se envolverão com as drogas e com a violência e tomarão as melhores decisões da vida deles, de serem bons cidadãos e de não fazerem mal a ninguém”, salientou.

Para Maria Eduarda Silva Halas, de 11 anos, da Escola Municipal José Fraron, participar do Proerd foi uma experiência única. “A droga humilha e destrói vidas. Pra nos divertirmos não precisamos dela. Aprendi a ser responsável e analisar melhor os fatos. Com certeza levarei o que aprendi para toda a minha vida”, salientou.

Neiva Alves de Lima, mãe de Ruan Gabriel Ribeiro, de 11 anos, da Escola Municipal Pequeno Príncipe, afirmou que o Proerd contribuiu na educação e no desenvolvimento emocional do seu filho. “Gostei muito, pois hoje ele é mais respeitoso e responsável, mudou até mesmo a maneira de pensar e o tratamento em casa com os familiares. Temos que agradecer a todos que trabalham nesse projeto”, ressaltou.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários