Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Diretores das escolas e dos CMEIs receberão capacitação de gestão escolar

Município quer formar gestores educacionais focados na aprendizagem e nas necessidades da comunidade

Na próxima sexta-feira, dia 05 de maio, das 08h às 12h, no Largo da Liberdade, o Município de Pato Branco, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, iniciará a formação voltada a diretores das escolas municipais do Ensino Fundamental e dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), que tem como objetivo promover uma gestão educacional com foco na aprendizagem. Serão 100 horas de formação, em três módulos que serão divididos em momentos presenciais e atividades on-line, realizadas no ambiente virtual de aprendizagem da Rede Municipal de Educação, em parceria com a Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação.

O programa de formação de gestores decorre da lei municipal nº 4.893, de 11 de novembro de 2016, que aprovou a eleição dos gestores via lista tríplice e que determina a realização de um curso voltado aos diretores com, no mínimo, 40 horas. No entanto, a qualificação totalizará 100 horas e será semipresencial, sendo 40 horas presenciais e 60 horas na modalidade à distância, via moodle. A partir dessa formação, as escolas desenvolverão projetos de gestão específicos para a realidade de cada educandário.

De acordo com a secretária municipal de Educação e Cultura, Heloí Aparecida De Carli, o programa visa promover uma gestão escolar cada vez mais qualificada, atendendo as necessidades e especificidades de cada escola e CMEI. “Cada escola é diferente, tem a sua particularidade e está inserida em um contexto específico, constituído pelo seu entorno e pelas famílias que ela atende. A gestão escolar deve estar voltada a essa especificidade, aos anseios, potencialidades e às dificuldades que aquelas crianças têm. Diante disso, os projetos pedagógicos devem otimizar e vencer eventuais limitações na aprendizagem dessas crianças, bem como as dificuldades existentes em cada bairro”, comenta Heloí.

No primeiro encontro da formação, que acontecerá na sexta-feira (05/05), a Secretaria Municipal de Educação e Cultura apresentará o programa, que possui três módulos, abordando desde os principais conceitos sobre gestão educacional, à execução de projetos políticos pedagógicos com a realização de programas realizados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e pelo Município, assim como a gestão administrativa e financeira, o que também compreenderá a interface de conselhos e de Associações de Pais, Mestres e Funcionários (APMFs), além de outros assuntos.

Na medida em que os conteúdos teóricos forem ministrados, os diretores terão condições de implementar, de forma simultânea, as práticas que serão debatidas durante a formação, bem como avançar na elaboração dos seus projetos de gestão, que deverão focar na aprendizagem, com ênfase na criatividade e na inovação, conforme ressalta Heloí.

“Esse programa de formação oportuniza a reflexão sobre a função social da escola e sobre o direito de aprendizagem que o aluno tem, pois mexerá nas estruturas preestabelecidas, estimulando a percepção de que o gestor está a serviço da aprendizagem dos alunos daquela escola e daquela comunidade. Os diretores devem ser criativos e flexíveis, buscando caminhos para envolver as famílias e atender as necessidades do meio em que o educandário está inserido”, reforça a secretária.

Heloí ressalta, ainda, que a gestão escolar é muito mais do que uma administração voltada meramente a questões burocráticas, pois a escola não deve ser vista como uma empresa. “O que queremos estimular é a percepção de que a gestão escolar envolve, na verdade, uma implicação social, pois infere na formação cidadã dos alunos”, completa.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários