Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Alunos da Rede Municipal de Educação assistem teatro promovido pelo Observatório Social de Pato Branco

O espetáculo tem como objetivo promover ações educacionais de combate à corrupção

 

Nas últimas terça e quarta-feiras, dias 15 e 16 de maio, os alunos do Tempo Integral da Rede Municipal de Educação de Pato Branco assistiram a um espetáculo promovido pela Companhia Pegasus de Teatro, sobre combate à corrupção. A atividade é uma parceria entre o Município, por meio da Secretaria de Educação e Cultura, e o Observatório Social de Pato Branco que, durante todo o mês de maio, estará promovendo ações de conscientização sobre o tema.

O teatro é a primeira parte do projeto desenvolvido com os alunos onde, de forma lúdica, os personagens mostram como a corrupção afeta a vida de qualquer pessoa. Cerca de 470 alunos da Rede Pública Municipal participarão da atividade e, depois de assistir a peça, irão escrever textos ou fazer desenhos para um concurso. Os melhores trabalhos serão premiados. A avaliação será realizada por acadêmicos e professores do Curso de Letras da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) – Câmpus Pato Branco.

A secretária de Educação e Cultura, Heloí Aparecida De Carli considera importante essa parceria, por oportunizar às crianças a reflexão sobre o tema que está muito presente na mídia atual. “De uma maneira lúdica, as crianças conseguem entender a diferença entre o que é ético ou não”, afirmou Heloí.

No dia 15 de maio, a apresentação aconteceu na Escola Municipal do Bairro Planalto e a diretora, Ivanete Monteiro, avaliou a atividade positivamente. “É muito bom que, desde pequenos, eles entendam as consequências da corrupção para que, futuramente, sejam cidadão conscientes. O teatro também é uma programação diferente para que nossos alunos do tempo integral tenham acesso a opções alternativas de aprendizagem”, disse ela.

A aluna Maria Antonia Pitchnen, do 5 º ano, contou que gostou de assistir ao teatro com os colegas. “Me diverti bastante e aprendi que a corrupção nunca é boa, porque prejudica a maioria das pessoas, enquanto apenas algumas lucram. O Brasil pode mudar, desde que todos façam o correto”, falou Maria.

Observatório Social de Pato Branco        

De acordo com o Observatório Social de Pato Branco, o Brasil perde, anualmente, cerca de R$ 200 bilhões com a corrupção, conforme apontamentos do Ministério Público Federal. A Europa foi reerguida após a 2ª Guerra Mundial a um custo, em valores atuais, de cerca de R$ 300 bilhões. A corrupção cobre cerca de 2,3% do PIB (Produto Interno Bruto) nacional anualmente.

Tal realidade levou o Observatório Social do Brasil a disseminar a necessidade da implantação do Projeto “Semana da Transparência e do Combate à Corrupção”, que foi adotado pelo Observatório de Pato Branco, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, Universidade Tecnológica Federal de Pato Branco (UTFPR), Companhia Pegasus de Teatro, NEJ, Planta Garden, Rotary Internacional, Sindimetal Sudoeste, Fiep, Aramart, Atlas Eletrodomésticos, IRDES, Viasoft, Usiplast, Ortec Contabilidade, VMT Terraplanagem, Tramontini Ferramentaria, Sicredi,  Maçonaria e Associação de Empresarial de Pato Branco (ACEPB).

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários