Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Prefeitura mobiliza população pelo combate a exploração e abuso sexual infantil

No último sábado (17), atividades mobilizaram Pato Branco no Dia D da Campanha Nacional Contra o Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Além da caminhada que reuniu cerca de 300 pessoas e representantes de diversas entidades do Município, panfletagem e recreações aconteceram no decorrer do dia na praça Presidente Vargas. A iniciativa da Secretaria Municipal de Assistência Social buscou sensibilizar e alertar a sociedade sobre o tema.

O prefeito Augustinho Zucchi destacou a união da população e das entidades na mobilização. “Temos que garantir a segurança das nossas crianças e isso só será possível com uma sociedade consciente sobre a importância da valorização da família. Com a união de todos e ações contínuas, vamos diminuir a incidência desses casos”, disse Zucchi.

A presidente do Conselho Tutelar de Pato Branco, Carla Regina de Oliveira, faz um alerta: a maior parte dos abusos vitimam as crianças mais vulneráveis, entre 5 e 10 anos. “Muitas pessoas conseguem perceber uma criança que pode estar sendo molestada, mas não sabe como, nem onde denunciar. Atividades como esta servem para motivar e orientar as pessoas, que devem denunciar pelo Disque 100, ou no Conselho Tutelar, Polícia Civil e Polícia Militar”, aconselhou.

Na sexta-feira (16), uma capacitação sobre o tema promovida pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) reuniu os funcionários da Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Saúde, Secretaria de Educação, professores da Rede Municipal e profissionais que atuam na garantia dos direitos de crianças e adolescentes no Município.

As ações preventivas desenvolvidas pelo Município são permanentes, conforme destacou a secretária municipal de Assistência Social, Maria Cristina Hamera. “Queremos chamar a atenção da população, mostrar que devemos denunciar, preservar e cuidar da infância das nossas crianças. Estamos trabalhando a prevenção, o fortalecimento de vínculos familiares, pois somente com a valorização das famílias é que conseguiremos proteger as nossas crianças”, frisou.

As atividades do Dia D foram desenvolvidas pela Prefeitura de Pato Branco, através da Secretaria de Assistência Social, com apoio do Ministério Público, Conselho Tutelar, Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, Vara da Infância e Juventude, CRAS do bairro Sudoeste, CRAS do bairro São João, CREAS, Sest/Senat, Apae, Grupo Gama, Polícia Civil, Polícia Militar, Rotarys, Ordem Demoley, Grupo de Escoteiros, Secretaria de Saúde, Ceinee e demais entidades.

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários