Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Casa e Construção 2015 é sucesso também na área do conhecimento

A VI Feira Casa e Construção contou com um diversificado Ciclo de Seminários, com palestras que reuniram 3.600 profissionais, expositores e acadêmicos da cadeia produtiva da construção civil. Temas relacionados à área, inovações, tendências e questões ligadas ao desenvolvimento de Pato Branco, foram abordados na programação. Com isso, o “conhecimento” caracterizou-se enquanto marca registrada desta edição.

“As palestras técnicas da feira setorial contribuíram para difusão de conhecimento. Empresários, acadêmicos, profissionais de diversos setores tiveram a oportunidade de agregar informações úteis no seu cotidiano profissional ou universitário. Esta foi a edição da Casa & Construção em que mais se disponibilizou eventos nesta área do conhecimento”, avalia o consultor do Sebrae/PR, Gerson Miotto.

As palestras convidaram os profissionais a romperem paradigmas e buscar alternativas inovadoras para garantir espaço no mercado. Um exemplo esteve na sexta-feira (22), quando o engenheiro civil e especialista em BIM pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Tiago Francisco Campestrini, apresentou os primeiros passos para utilização do BIM em projetos e obras.

Com a tecnologia BIM (Building Information Modeling – Modelagem de Informações da Construção), conforme explicou Tiago, é possível criar modelos virtuais precisos de uma construção, podendo identificar de forma precisa qual melhor projeto se enquadra na demanda e no orçamento do cliente, garantindo assim o sucesso do empreendimento.

“Utilizando essa tecnologia, conseguimos simular várias soluções, ver qual se encaixa no custo e no prazo da obra. Também viabilizamos mais opções para o cliente, identificando a alternativa mais viável para as tomadas de decisões. Como resultado, o dinamismo do projeto é maior”, destacou o especialista.

Para Tiago, a utilização do BIM na construção civil é um diferencial competitivo. “Há muitas tecnologias e soluções disponíveis no mercado. Usar o BIM é conseguir identificar qual dessas tecnologias é a melhor para o projeto. Hoje, é preciso acompanhar as tendências, seja para oferecer algo melhor ou porque os clientes pedirão”, disse.

A tecnologia reflete ainda no planejamento do projeto. “Além do recurso 3D, pode-se trabalhar outra dimensão no BIM, o 4D. Aqui, você pode fazer análises de prazo, planejamento e riscos. Na dimensão 5D, também disponível na tecnologia, você pode analisar o custo da obra”, destacou.

A importância em apresentar temas de interesse da cadeia da construção civil foi enaltecida pelo coordenador de Engenharias e Arquitetura da Faculdade Mater Dei, Vitor Ivan Guerra. “O Ciclo de Seminários foi sucesso de público e teve um bom  nível de informação por parte dos palestrantes. Os eventos técnicos cumpriram o nosso planejamento para essa edição da Casa e Construção”, analisa Guerra.

Programação

Na abertura da programação (18), na Faculdade Mater Dei, o engenheiro mecânico da Universidade Braz Cubas, Samuel de Oliveira Souza, ministrou a palestra “Introdução ao Lean Thinking”. Conceitos básicos desde a produção à utilização do cimento, foram apresentados pelo engenheiro civil Leandro Rafael Souza Slosaski, na palestra “Cimento, agregados e concreto – da produção para a obra” (19).

Na quarta-feira (20), iniciou a programação no Centro Regional de Eventos, marcando também a utilização das novas instalações do auditório, com duas palestras por noite. “Soluções prediais Tigre” foi o tema da apresentação do engenheiro mecânico da Tigre, Alexsander Ambrósio. Em seguida, foi a vez do especialista em Tráfego Aéreo Internacional e gestor de Handling da aviação civil internacional para a empresa Omyaviation, com sede em Zurich (Suíça), Clairton Hammer, falar sobre “O presente e o futuro do Aeroporto de Pato Branco – infraestrutura e desenvolvimento”, em um momento oportunizado pela Prefeitura de Pato Branco.

“A arte da decisão em processos de Engenharia” foi o tema da fala do especialista em Ensino da Matemática, Nelson Hein (21). Na sequência, o mestrando em Gestão Urbana pela PUC/PR, Hiago Tavares, respondeu a pergunta: “Por que ser uma cidade inovadora?”.

“A construção do vazio” foi o tema da palestra ministrada pelo Arquiteto e professor universitário, João Sodré (22). Encerrando a programação (23), o engenheiro civil especialista em gestão de projetos, Vinicius Macedo Biscaia, falou sobre “Smart Sistemas: Introdução ao Sistema Light Steel Framing”.  Paralelamente, de 18 a 22 de maio, aconteceram oficinas no período diurno na Faculdade Mater Dei.

Realização

A VI Feira Casa & Construção foi realizada, de 19 a 23 de maio, pela Prefeitura de Pato Branco, Associação Empresarial de Pato Branco (ACEPB), Sebrae/PR, Faculdade Mater Dei, Cofeci-Creci, Associação Regional de Engenheiros e Arquitetos de Pato Branco (AREA-PB), com apoio do Sindicomércio e patrocínio do Diário do Sudoeste.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários