Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Município realiza nova etapa do Programa Asfalto no Campo

Serão 16,11 quilômetros asfaltados, beneficiando as comunidades de Sede Dom Carlos e Sede Gavião

 

O Município de Pato Branco, por meio da Secretaria de Agricultura, realizou na noite desta segunda-feira, dia 19, uma reunião na comunidade de Sede Gavião para apresentar a nova etapa do Programa Asfalto no Campo, que também atenderá a comunidade de Sede Dom Carlos. Serão pavimentados 16,11 quilômetros, com investimento total de R$ 6.625.216,18, sendo R$ 4.924.769,01 do Governo do Estado e R$ 1.700.447,17 da Prefeitura.

Para pavimentar 7,56 quilômetros da Estrada Municipal Pioneiro Cirilo Debastiani, na comunidade de Sede Dom Carlos, serão investidos R$ 2.914.559,80, sendo R$ 2.115.701,07 do Governo do Estado e R$ 798.858,73 do Município. Já na Estrada Municipal Belmiro Caldato, na comunidade Sede Gavião, serão pavimentados 8,55 quilômetros, com investimento total de R$ 3.710.656,38, sendo R$ 2.809.067,94 do Governo do Estado e R$ 901.588,44 do Município.

No encontro desta segunda-feira (19), foram abordadas questões sobre a limpeza dos trechos, ampliação das estradas, retirada de árvores, cercas, entre outros. Também foi definida a primeira comunidade a receber as obras, que será Sede Dom Carlos – a escolha foi unânime entre os presentes.

Para o prefeito de Pato Branco, Augustinho Zucchi, o Programa Asfalto no Campo representa o compromisso da Administração Municipal com a agricultura. “Queremos que Pato Branco seja a primeira cidade do Brasil a ter todas as principais comunidades ligadas por asfalto. Esse trabalho, até então inédito no município, evidencia o quanto valorizamos o trabalho de nossos agricultores, que foram os pioneiros e construíram nossa cidade”, ressaltou Zucchi.

Com a nova etapa de obras, o Programa Asfalto no Campo, executado desde 2014, chega a 41,71 quilômetros em obras, totalizando R$ 15.776.911,78 em investimentos, sendo R$ 9.389.642,77 do Município, R$ 4.924.769,01 do Governo do Estado e R$ 1.462.500,00 do Governo do Federal.

“Com as obras, os agricultores têm novas condições para o escoamento da produção. Além disso, as propriedades são valorizadas, pois passam a ser avaliadas pela produção e também pela infraestrutura existente nas comunidades”, argumentou Zucchi.

As obras

O secretário municipal de Agricultura, Clodomir Ascari, explicou que além da pavimentação, a Prefeitura executará e limpeza das laterais e a base em brita graduada. Ele ressaltou, ainda, que os projetos de asfalto no interior consideram as peculiaridades e demandas estruturais de cada trecho.

“Vamos avaliar o caso de cada propriedade onde o asfalto abrangerá, buscando esclarecer todas as dúvidas e oferecer todas as orientações aos moradores. Temos como referência obras de excelência e, com o apoio das equipes da Secretaria de Meio Ambiente e da Secretaria de Engenharia e Obras, bem como do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), temos convicção da qualidade das obras que serão entregues nessas comunidades, assim como fizemos nas demais”, disse Clodomir.

Para o presidente do Sindicato Rural de Pato Branco, Oradi Caldato, que reside em Sede Gavião desde o nascimento, o asfalto era um sonho que foi conquistado. “É difícil encontrar palavras para expressar nosso sentimento por essa importante obra. Estamos em uma região muito forte na produção agrícola e o asfalto irá facilitar o escoamento de nossa produção, bem como, o nosso deslocamento para as outras regiões da cidade”, contou Oradi.

O presidente da Câmara de Vereadores, Joecir Bernardi, é da comunidade de Passo da Ilha, localidade que já foi contemplada pelo Programa Asfalto no Campo. Para ele, a pavimentação de estradas rurais está mudando a realidade do campo. “A trafegabilidade melhorou consideravelmente, fazendo com que muitas pessoas que têm ligação com a terra, como os filhos dos agricultores, comecem a retornar para as propriedades. O asfalto é um legado que está gerando transformação e desenvolvimento para o nosso campo”, avaliou o vereador.

Programa Asfalto no Campo

Desde 2014, o Programa Asfalto no Campo atendeu quatro comunidades, totalizando 25,6 quilômetros de asfalto, com investimento total de R$ 9.151.695,60. Destes, R$ 7.689.195,60 são recursos próprios do Município e o restante, R$ 1.462.500,00, do Governo Federal.

A primeira estrada a ser atendida foi a Pioneiro Irineu Bertani, que dá acesso à comunidade de Independência, onde foram executados 6,3 quilômetros.  Em 2016, foram pavimentados trechos de mais três estradas rurais: a Pioneiro Recieri Picolo, que dá acesso à comunidade de Nossa Senhora do Carmo (6,3 quilômetros), a estrada Pioneiro Narciso Bernardi, que dá acesso a comunidade de Passo da Ilha (6,3 quilômetros) e a estrada Azelino Dalla Costa, na comunidade de São João Batista (6,78 quilômetros).

Mais informações

Para mais informações sobre o Programa Asfalto no Campo, basta ir até a Secretaria de Agricultura, junto à Prefeitura, de segunda a sexta-feira, das 08h às 12h e das 13h30 às 17h30, ou entrar em contato pelos telefones 3220-1502 ou 3220-1504.

 

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários