Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

O voo inaugural do novo Aeroporto de Pato Branco

O primeiro voo do novo Aeroporto Municipal Juvenal Loureiro Cardoso, de Pato Branco, com a conexão direta a capital Curitiba, foi realizado pela Azul Linhas Aéreas Brasileiras na quinta-feira, dia 10 de janeiro de 2019. A sala de embarque ficou lotada com os primeiros passageiros, alguns, acostumados com as viagens aéreas e apenas de visita em Pato Branco, outros, tornando realidade o sonho de viajar de avião pela primeira vez; todos puderam ver a cidade e as paisagens de um novo ângulo. Os dois grupos fizeram parte de um momento histórico, uma obra aguardada por toda a região, que representa novas oportunidades, tanto para os negócios quanto para quem deseja ficar mais próximo do mundo, viajando e conhecendo novos lugares.

A diretora do Grupo Diário do Sudoeste, Delise Guarienti Almeida, avaliou a importância do voo. “Depois de muitos anos e de muita luta, com o envolvimento de todos os empresários, do prefeito Zucchi e com toda a região esperando por esse momento, é muito emocionante estar aqui, fazendo parte dele”, comemorou ela.

“Estar nesse primeiro voo é um marco importante para Pato Branco, que agora estará ligado com o resto do mundo. Estamos em constante trânsito e a mobilidade urbana entre os estados e países é fundamental, por isso, a cidade e região estão de parabéns por este novo passo. O Aeroporto será um divisor de águas, fazendo a diferença no futuro de cada morador,” avaliou Frei Neuri Francisco Reinisch, diretor da Rede Celinauta de Comunicação.

O pato-branquense João Carlos Fortes, foi um dos primeiros passageiros a comprar a passagem para o voo inaugural. “Além de ser o primeiro voo de Pato Branco, é a primeira vez eu entro em um avião, é meu primeiro voo e a sensação é muito boa. Ainda mais, sabendo que estou fazendo parte da história de Pato Branco, a emoção é muito grande”, contou ele.    

O capitão da aeronave, Rodrigo Rangel, explicou a relevância no novo percurso. “Todo o voo inaugural é muito importante para a Azul e, para mim, foi uma honra, pois foi a primeira vez que eu fui responsável pela inauguração de uma linha aérea, então já tenho um carinho especial por Pato Branco. Esperamos que esse voo se repita muitas e muitas vezes e que cada vez mais a região cresça e se desenvolva junto com as linhas aéreas”, desejou ele.

A duração total do percurso até o Aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, foi de apenas uma hora, bem diferente do tempo que se leva indo por terra. Os 60 minutos foram bem aproveitados pelos pato-branquenses presentes no primeiro voo, que eternizaram a viagem em fotos para mostrar aos familiares e amigos. O voo foi tranquilo, com algumas turbulências em virtude das chuvas que estavam por todo o trecho, mas até elas contribuíram para a emoção dos presentes.

O pouso suave completou com excelência a nova experiência e quem fez parte do momento avaliou com elogios emocionados, felizes em estarem escrevendo a história de um novo tempo, que se espera, seja de ainda mais facilidade e segurança no deslocamento, possibilitando que, pelos ares, os pato-branquenses realizem novas conquistas.    

Os voos

Sempre às quintas-feiras, os voos realizados pela Azul Linhas Aéreas Brasileiras saem de Curitiba às 13h30 e têm previsão de chegada a Pato Branco às 14h50. De Pato Branco, a decolagem é às 15h25 e chegada a Curitiba às 16h45. As ligações diretas até Curitiba ocorrem com modernos turboélices da ATR, com capacidade para até 70 lugares. A partir da capital do Estado, há conexões imediatas para Campinas, São Paulo (GRU e CGH), Recife, Rio de Janeiro (Santos Dumont), Porto Alegre e Campo Grande, entre outros destinos.

Esta é a primeira ligação direta de avião entre o Sudoeste do Paraná e Curitiba. O aeroporto mais próximo, atualmente, é o de Chapecó (SC), a 120 quilômetros de distância de Pato Branco. O de Foz do Iguaçu (PR) está a cerca de 300 quilômetros.

O Aeroporto

As obras de estruturação do Aeroporto Juvenal Cardoso iniciaram em janeiro de 2017, conduzidas pela Prefeitura de Pato Branco. Para viabilizar a estruturação do Aeroporto, foram investidos mais de R$ 15 milhões, entre recursos do Município, do Governo Federal, do Governo do Estado e da Associação Empresarial de Pato Branco (ACEPB).

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários